anos 80 e 90

Comerciais para o "Dia dos Namorados" que fizeram sucesso nos anos 80 e 90

quinta-feira, junho 06, 2013

Olá pessoal, boa tarde!

Confira os comerciais "Dia dos Namorados"que fizeram sucesso nos anos 80 e 90!!


Na década de 80, 90 ou nos tempos 2.0, confira como algumas marcas exploraram momentos carinhosos entre casais!

Laka - Me dá um beijo?
O comercial foi produzido pela W/Brasil em 1988 e com a assinatura do publicitário Washington Olivetto, o comercial "Me dá um beijo?", do chocolate Laka, fez muito sucesso na época em que foi lançado pela delicadeza e inocência com que trata a fase das primeiras descobertas do amor.

O filme mostra uma garota em frente ao espelho, se arrumando para encontrar o namorado.que espera do lado de fora da casa, na varanda, comendo um chocolate Laka. Ao fundo toca a música “Crying in the Rain” da banda Everly Brothers, que funde-se com as cenas na voz lúdica da menina.

O comercial ganha o prêmio "Leão de Ouro" em Cannes, e se torna um clássico na história da publicidade brasileira.



Chanel - Chanel Nº5
O diretor Baz Luhrmann  foi responsável por um dos comerciais mais caros da história. Com Nicole Kidman como protagonista, a peça conta a história de uma atriz que foge de fotógrafos em uma première e, no caminho, encontra um escritor por quem se apaixona. No caso, Rodrigo Santoro.

Ao fundo, a Orquestra Sinfônica de Sydney toca uma versão moderna e comovente  de “Clair de Lune” de Debussy.

O comercial  que tem a duração de quatro minutos gera a Nicole Kidman em torno de 2 milhões de libras. O filme custou cerca de 18 milhões de libras.



Serenata de Amor – Paixão
Um texto cuidadoso, refinado e trilha perfeitamente casada com as imagens, o comercial do bombom Serenata de Amor, da Garoto, fala de uma forma verdadeira e romântica sobre como a paixão muda com o passar do tempo em um relacionamento, e como ele se sustenta quando as imperfeições começam a aparecer.

O comercial foi produzido pela W/Brasil e veiculado na TV como campanha para o Dia dos Namorados de 2008, o filme tem como trilha sonora a música "You", da banda londrina Vega4.




Vodafone - Couples
Esse comercial foi criado pela BBH de Londres e com produção da Sonny, o filme da Vodafone mostra uma briga entre marido e esposa na versão 2.0: totalmente mobile.

Lançado em 2010 no Reino Unido, no comercial um casal sai de casa brigando, e  passa durante o dia inteiro assim, com trocas de fotos, frases e áudios ofensivos. Quando a "troca de farpas" termina e o remorso bate, é também por meio do celular que os dois se reconciliam.



Axe - Getting Dressed
O comercial da Axe/Lynx foi lançado em 2004, e conta de trás para frente a história de um casal, ao som da famosa "Over the Rainbow", de Israel Kamakawiwoʻole.

O filme começa com o casal na cama, acordando. Eles se levantam e vão juntando as peças de roupas que deixaram espalhadas pela casa, pelo jardim e pela cidade. Por fim, quase totalmente vestidos, chegam ao ponto onde tudo começou: o supermercado. É quando aparece o título: “Porque você nunca sabe
quando…”. Só então fica claro que nada passou de um encontro casual, mas mesmo assim foi  muito romântico.



Canon - Igrejas
O comercial "Igrejas", da agência Giovanni+Draftfcb, foi o primeiro da Canon produzido no Brasil. Com uma trilha sonora "She", de Elvis Costello, o filme mostra o pedido de casamento de um rapaz à sua namorada.

A peça começa com um jovem fotografando várias igrejas em Olinda e Recife, lugares que concentram o principal acervo arquitetônico de igrejas do Brasil. Na cena seguinte, em um quarto, sua namorada acorda e encontra uma caneta com um laço de presente sobre a cama. Ao sair do quarto, ela vê as paredes do corredor cobertas pelas imagens das igrejas. Cada foto mostra um espaço para marcar "x".

Criação de Ricardo John e direção de Heitor Dhalia.

Após  publicação do comercial no YouTube, a Canon divulgou também um making of das gravações.




Bradesco – Recém-casados
O comercial criado pela agência Neogama,  "Recém-casados", do banco Bradesco, mostra em 30 segundos um comovente diálogo entre noivos em que a garota, ainda vestida de branco, dá várias hipóteses e pergunta ao noivo como ele agiria:

"E se eu ficar velha? E se eu ficar feia? E se eu ficar triste?". O rapaz, de forma apaixonada, vai desconstruindo as preocupações da agora esposa.



Vivo - Eduardo e Mônica
A Vivo divulgou em seu canal no YouTube um comercial em forma de videoclipe para a música Eduardo e Mônica, verdadeiro hino da cultuada banda Legião Urbana. Em poucas horas, o filme foi parar nos Trending Topics do Twitter e virou a sensação do dia nas redes sociais.

Pouco tempo depois, cai na rede um comercial da marca de celular ATL, feito há dez anos, que usa a mesma música como pano de fundo. A polêmica - trata-se ou não de plágio? - acabou espalhando-se ainda mais rápido do que o próprio comercial da operadora. Vivo e Africa, a agência criadora da peça, se defenderam.

Polêmicas à parte, não se pode ignorar a qualidade estética e nem a sensibilidade da versão 2.0 da canção.




Fonte de pesquisa: Exame.com

Poderá gostar também de:

2 comentários

  1. Lindos,lindos,os mais simples como o do chocolate ,Eduardo e Mônica-clássico e o do Bradesco,sempre tocantes...

    ResponderExcluir
  2. Ah que gostoso relembrar!
    Bons momentos na TV

    Beijos

    ResponderExcluir

Bem-vindos ao todamoderna Deixe aqui seu comentário. Obrigada.

Receba as postagens por e-mail

Curtir no Facebook